O Processo de Cicatrização das Feridas

imagem de um joelho ferido

A cicatrização de uma ferida varia de pessoa para pessoa, uma vez que esse processo está relacionado com o tipo de lesão e alguns fatores como faixa etária, existência de doenças crônicas, utilização de determinados medicamentos, entre outros. Mas, mesmo com essas diferenças, podemos identificar três fases no decorrer da cicatrização. Nesse artigo iremos mostrar quais são essas fases:

1 – Fase inflamatória

Essa fase dura em torno de um a quatro dias, dependendo da extensão e natureza da ferida. É o momento em que acontece a ativação do sistema de coagulação sanguínea e a liberação de mediadores químicos, ocorrendo vermelhidão e dor.

2 – Fase proliferativa

Fase de regeneração que pode durar de 5 a 20 dias. É quando ocorre a proliferação de fibroblastos. Nesse processo, as células endoteliais se proliferam, o que resulta na vascularização e infiltração de macrófagos e formação do tecido de granulação.

3 – Fase de reparo

Nessa última fase a densidade celular e vascularização diminuem, resultando da remodelação do tecido formado na fase anterior. As fibras se realinham para aumentar a resistência do tecido e melhorar o aspecto da cicatriz, passando do vermelho escuro para um tom de rosa claro. Esse processo pode durar meses.

Existem diversos fatores locais que podem influenciar na cicatrização de uma lesão. Dentre eles, os fios de sutura tem papel importante durante o processo, dando suporte a ferida enquanto, gradativamente, cresce a resistência tênsil do tecido, realizando assim seu papel fundamental na junção das bordas desse tecido até o momento em que a cicatrização ocorra de maneira natural. Outros fatores locais que podem influenciar na cicatrização são:

  • Corpo estranho, implantes
  • Tecido necrosado ou isquêmico
  • Infecção
  • Tempo transcorrido entre o trauma e o tratamento
  • Bandagens
  • Áreas de tensão, movimentos

Como visto acima, o processo de cicatrização exige que o nosso corpo ative e produza um grande número de componentes moleculares e celulares. Apesar de ser um processo interno, é preciso seguir alguns cuidados externos, como manter a higiene do local e fazer o uso de curativos adequados para o tipo de lesão.

 

8 thoughts on “O Processo de Cicatrização das Feridas

  1. cbd oil that works 2020 says:

    Pretty section of content. I simply stumbled upon your blog and in accession capital
    to assert that I acquire actually enjoyed account your blog posts.
    Anyway I will be subscribing on your feeds or even I success
    you get entry to consistently fast.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *